Translate

Pesquisar este blog

sábado, 12 de abril de 2014

DEDOS E UNHAS



Dedo indicador

Esse dedo ferido significa que você está acusando, consciente ou
inconscientemente, alguém que lhe causou algum dano ou mágoa. Se o
dedo for o da mão direita, você estará acusando uma mulher e se for o
da mão esquerda você estará acusando um homem.

Dedo médio

Ferimentos nesse dedo significam problemas com sua
sexualidade: insatisfação, repúdio, raiva, mágoa, etc. A insatisfação
pode ser tanto em relação ao seu parceiro quanto dirigida a você
mesmo.

Dedo anular

Ferido, mostra que seu desejo de união perfeita com o cônjuge
está abalado, isto é, que as suas expectativas de futuro com alguém
estão se tornando negativas ou perturbadas.

Dedo mínimo

Representa a família e tudo o que gira em torno dela. Se seu
coração está amargurado, pressionado por problemas familiares; se estão lhe causando aborrecimentos; se suas pretensões relacionadas à
família estão sendo invalidadas; se você tem medo de constituir família e, por alguma razão, pretende ficar só, saiba que seu dedo mínimo sofrerá com esses conflitos... por medos.

Dedo polegar

Suas preocupações intelectuais estão necessitando de organização, pois estão causando confusões com os outros e com você mesmo. Deixe de teimosia em algumas tentativas. Relaxe! Seu ideal profissional pode ser conciliado com sua vida pessoal. Procure apenas visualizar seu próprio comportamento para descobrir onde está o erro.

Essa ansiedade de querer realizar-se, desorganizando sua vida familiar,
também pode causar problemas no dedo polegar de seus filhos, como
reflexo das suas atitudes rebeldes. Vá com calma, reflita atentamente
sobre os novos caminhos e aceite com humildade e compreensão as
mudanças provisórias. Fique tranqüilo o suficiente para colaborar
consigo mesmo. A revolta cega a avaliação quanto à nossa própria
conduta. Portanto, cuidado! Pare, pense e comece tudo de novo! OK?

Dedos dos pés

Seus significados eqüivalem à mesma leitura corporal dos dedos
das mãos, mas mostram nossas preocupações com os detalhes do
futuro.

A preocupação sutil e desconfortável, gerada em nosso interior
pelo medo de aborrecimentos futuros, nos causa dores e acidentes nos
dedos dos pés. Portanto, na primeira topada, pare imediatamente com
essas reclamações e conflitos para não aumentar a carga negativa que
recairá sobre seus dedos.

Acalme-se e habitue-se a dizer palavras bondosas e
compreensivas, positivas e alegres e você sentirá, gradativamente, uma
sensação confortável em seu espírito, mudando-o para melhor.


Unhas

As unhas são cascos de proteção de nossos dedos e simbolizam
aqueles que nos protegem (nossos pais). Pessoas que roem unhas
estão, inconscientemente, querendo dizer que têm raiva de um dos pais.
A rebeldia e a mágoa que guardam no coração é tão profunda que,
mesmo após a morte dos protetores, esse sentimento continua
registrado em seu subconsciente.

Normalmente se diz que pessoas que roem unhas são nervosas e
estão sempre inquietas: é porque estão guardando ressentimentos
profundos pela educação recebida e os transferem para seu consciente
na forma de insatisfação, ansiedade, depressão e raiva de coisas
insignificantes do seu dia-a-dia.

Pare de agir como criança em algumas situações. Cresça e
comande seu próprio espaço de maneira alegre e confiante.
O simbolismo de ”comer unhas” resulta em um incômodo muito
grande para o estômago, o que acabará causando dores que, motivadas
pela ira constante, alimentam o estômago de agentes químicos nocivos,
mandados pelo cérebro através de impulsos nervosos a fim de combater
supostos inimigos no organismo, causados pelas emoções fortes ou
negativas.

Escolha seu próprio caminho e decida segui-lo sem mágoas e sem
ódio daqueles que o contrariaram, pois o mundo pertence a todos e cada
um tem seu espaço reservado e protegido pela natureza. Descubra seu
próprio espaço e veja que não existem motivos para tanta tensão e
amargura. Ame-se e trate de ser feliz!

Simboliza tensão e’excesso de preocupações com a própria
individualidade e uma grande necessidade de segurança dentro do
ambiente de atuação ou familiar. Indica alguém que não quer
demonstrar fraqueza e sente raiva por não ser compreendido e que,
apesar de fugir das emoções, perde-se nelas, deixando que cheguem a
extremos (é o desequilíbrio). Uma pessoa assim precisa sentir-se
apoiada e fica nervosa quando os outros desconfiam de sua índole ou de
suas verdadeiras intenções. Desconhecendo sua própria capacidade,
torna-se indecisa... tem medo de errar e não confia nas pessoas.
Normalmente quem tem unha encravada tem um dos pais, ou alguém
igualmente influente, que é superprotetor.

O ”medo” pode ser reconhecido sob várias formas: existem os
medos que, por uma questão de orgulho, escondemos de nós mesmos;
podemos ter medo que invadam nosso espaço pessoal; medo de darmos
opinião sobre determinado assunto e, por isto, não sermos benquistos;
medo de que alguém possa interferir em nossos planos ou modificá-los;
enfim, existem tantos medos difusos em nosso dia-a-dia que, às vezes,
nem conseguimos identificá-los. O medo secreto é uma constante nas
pessoas com unhas encravadas que estão mostrando desta forma que
precisam se ”encolher” ou ”fugir” para dentro de si mesmas com o
intuito de evitar ”invasões”.

Se as suas unhas estão encravando, aprenda a livrar-se dos
transtornos. Use sua imaginação para criar o mundo que você deseja e
tente relaxar profundamente, ”soltando” os sentimentos de
desconfiança. Se você não acredita que o pensamento é uma força
concretizadora dos desejos, pelo menos tente sonhar um pouco sem que
ninguém fique sabendo. É maravilhoso poder estar consigo mesmo,
sentindo a paz no silêncio de nosso corpo, e, ao mesmo tempo, viver o
mundo lá fora carregando no coração a mesma paz encontrada nesse recolhimento. Quando fechamos os olhos e tapamos os ouvidos,
ouvimos apenas a nossa respiração e sentimos uma agradável solidão.

Antes de continuar a leitura, faça esse exercício pelo tempo que
achar confortável. Sinta a sensação de estar consigo mesmo, sem
pressa...

Se você fez o exercício deve ter notado que naquele instante o
mundo ”parou” e que só você respirava. Perceba que seu mundo é
comandado apenas por você e pela sua energia vital.

Cuide de sua vida com a sensação de que nada poderá entrar em
seu espaço... sem a sua permissão. Proteja-se com a paz e a
tranqüilidade necessárias, eliminando sutilmente as coisas que lhe
fazem mal e, conseqüentemente, seu espaço estará repleto de alegria e
segurança. Relaxe e busque se conhecer melhor!

Se você se sentiu desconfortável enquanto fez esse exercício é
porque se preocupa demais com o que os outros pensam. Pare com isso!


Linguagem do Corpo

12 comentários:

  1. Não é fácil, percebi que estou com dedo médio inflamado na unha (unheiro) e fungo no dedão do pé, que começou depois de situações que está escrito acima, mas não sei como mudar os sentimentos, já que não estou conseguindo manter relacionamentos saudáveis.

    ResponderExcluir
  2. Gostaria de saber o que fazer, já que dizem que precisamos dar valor a quem está conosco, mas estou só. Sensação de vazio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É exatamente isso. Você tem que dar valor a você mesmo, fortalecer sua confiança. As vezes procuramos em outros o que temos que desenvolver e buscar em nós mesmos. Quando você estiver bem e tranquilo com essa "solidão", aí sim, você estará pronto(a) para dividir com alguém. Digo com essa propriedade porque passei e ainda estou passando por coisas similares.
      Te desejo boa sorte!

      Excluir
  3. ... e como melhorar esta insatisfação causado por um aparecimento da lesão o dedo medio.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Gostaria de saber o que fazer diante de meu relacionamento que pode estar sendo abalado,ontem machuquei a primeira falange do meu dedo anelar da mão direita,e venho aos poucos alguns descontroles em meu relacionamento.

    ResponderExcluir
  6. Quando conseguimos controlar nossos pensamentos de forma positiva e carinhosa, tudo fica mais fácil e bonito. É maravilhoso.

    ResponderExcluir
  7. Parabéns mesmo por este blog!!! Cada vez que minha vida está bagunçada, eu acho aqui a solução, simplesmente fantástico!!!

    ResponderExcluir
  8. Eu gostaria de saber porque no cantos das minhas unhas coçam, dos indicadores e polegar das mãos, e no canto dos polegares dos pés, acho que já nasci com isso pois eu já sentia desde pequena, não encomodo só quando lembro, e é só eles, se fosse piscologico eu sentiria nos outros, não conheço ninguém com esse caso, nunca fui em médico pra ver, até pq vão fala que é da minha cabeça... Me ajudem! Alguém tem isso??

    ResponderExcluir
  9. Bruna camila eu tenho isso mds me chama no whats 015996953429 . Tipo coça a pele do dedao do pé. Os dois. Eu sempre tive isso desde criança e minha mãe é terapeuta reikiana acupunturista ela entende de metafísica mas também fala que é coisa da minha cabeça . Vamos descobrir o que é isso ... juntando o que sabemos de metafisica podemos descobrir. Caraaa me chama no whats kkkk não vou conseguir voltar aqui nesse site. Pera vou salvar ele é de tempo em tempo vou ver se você respondeu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaaa veja meu comentário. Me adiciona no whats kkkk kkkk vamos descobrir essa parada !! 015996953429 mano tô passando meu número que loucura. Veja meu comentário pelo amor de deus kkkkkk

      Excluir