Translate

Pesquisar este blog

quarta-feira, 15 de julho de 2015

DISLEXIA



É a incapacidade de compreensão do que se lê devido à lesão do sistema nervoso central. A pessoa tem condição de ler, mas experimenta fadiga e sensações desagradáveis, pois se sente confusa e não interpreta nem une corretamente as letras.

Muitas pessoas passam a vida inteira com dislexia por vergonha de dizer que não sabem ler. Elas simplesmente não vão mais à escola e dedicam-se a trabalhos que não exijam leitura. Disfarçam tanto que nem as pessoas mais íntimas percebem.

Grande número de crianças com dislexia está frequentando a escola sem aprender a matéria, pois muitos professores ainda não sabem identificar um disléxico e a repreendem, chamando-o de distraído, desatento ou preguiçoso.

Um disléxico pode muitas vezes desenvolver outras maneiras de estudar, sem ter que ler como, por exemplo, escutar atentamente e decorar a matéria. O ator norte-americano Tom Cruise sofre de dislexia, mas tornou-se um dos melhores atores de cinema devido à técnica de decorar os seus textos apenas ouvindo e improvisando.

Todo disturbio físico deriva de um disturbio emocional, psicológico ou espiritual e, segundo a psicanálise, o cérebro é estimulado inconscientemente pelo "princípio de prazer".
Quando sentimos prazer em trabalhar, estudar e viver, todos os nossos projetos dão certo e nossa saúde se torna perfeita. Sempre existe uma motivação para cada atitude nossa e nada na vida pode acontecer sem um motivo.

O ser humano está em constante crescimento e desenvolvimento de suas facildades intectuais enquanto sente alegria e esperança. Quando cai em depressão ou sente preguiça mental, o rendimento psicológico diminui e o processo de aprendizagem se torna lento ou nulo. A depressão e a preguiça são formas inconscientes de mostrar que a pessoa está desestimulada, frustrada e com raiva.

Quando estamos na pré-escola, um novo mundo se descortina à nossa frente e ficamos eufóricos de alegria ou com muito medo do desconhecido. Entretanto, quand existem pessoas que nos amam e nos estimulam, sentimos segurança e proteção para prosseguirmos nessa nova estrada. O pai e a mãe são necessáriamente importantes nessa fase de desenvolvimento para novas aprendizagens.

A mãe ou a mulher responsável pela educação no lar representa a segurança, o apoio, a nutrição física e espiritual, o aconchego e o amor para a criança. O pai ou o homem responsável pela educação no lar representa a proteção, a coragem, a ousadia, o progresso, o sucesso, o herói, a força, o desenvolvimento intelectual e a prosperidade. Portanto, todos os disturbios na infância mostram que seus pais vivem em desarmonia ou um deles é ausente de alguma forma.

As representações do pai e da mãe, no cérebro de uma criança, precisam de coerência e de harmonia, pois, se não houver equillibrio, o desenvolvimento de sua vida será precário em algum setor,
Aprender a ler e escrever representa o envolvimento com o mundo, tornando-se informado e independente para o sucesso e a prosperidade. A dislexia está revelando que seu pai é ausente.

(...)

A dislexia psicológica e fisiológica ocorre devido à ausencia do pai, tanto biológico quanto do adotivo, pois o desenvolvimento intelectual de qualquer ser humano é acionado pela energia yang, representada pelo papel masculino na primeira infância.

Muleres que não conseguem se relacionar em harmonia com seus namorados ou com seu próprio pai, também não farão um casamento satisfatório, pois carregam no coração algum trauma, desgosto ou indignação em relação aos homens. Para que seu filho se desenvolva perfeitamente nos estudos e na carreira, será necessária uma reflexão sincera e aceitatar tratar-se com um psicólogo, eliminando assim todos os seus fatores psicológicos e espirituais negativos em relação aos homens. E se você é pai de uma criaça disléxica, seja mais presente e interessado nos sonhos e desejos de seu filho. Procure o equilíbrio na educação e saiba respeitar as opiniões e as vontades dele. Estimule seu filho pela única motivação capaz de curá-lo de qualquer situação: O SEU AMOR.


Cristina Cairo - Linguagem do Corpo Vol.3 - A cura pelo Amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário